Informes Rede Municipal

Ontem à tarde (25/9) a direção do sindicato esteve com os secretários de Administração (Chiquinho) e Governo (João Brecha) e buscou esclarecimentos sobre algumas questões:

  • Pagamento da folha suplementar de reposição da greve (referente ao desconto de maio-junho): O secretário Chiquinho confirmou que os descontos que ainda não haviam sido feitos no pagamento está sendo feito agora, como Previdência e Imposto de Renda. Provavelmente o valor total de descontos nessa primeira parcela. Solicitou que levássemos um contracheque do mês com os descontos (junho) para que pudesse explicar mais detalhadamente como está sendo o pagamento da devolução.
  • Pagamento do desconto de greve da aula extra: Será pago conforme o comando enviado pelo setor da aula extra para a Administração. Na interpretação do governo, a aula extra, por ser uma “hora extra” não foi descontada no mês de junho. As aulas extras são pagas após serem efetivadas e não foram dadas pelos professores nesse mês pelo fato de os mesmos estarem em greve. Segundo o governo o “desconto” aconteceu de fato para o salário das matrículas. Dessa forma apenas para as matrículas está sendo devolvido o desconto da greve. As aulas extras que seriam ministradas no mês de junho serão pagas conforme forem sendo dadas e o setor informar à administração.
  • Regência de turma: O secretário admitiu que aconteceu um erro na interpretação da lei e irá retornar a regência para a sala de leitura. Disse tentar corrigir para que o desconto da regência não venha na folha de setembro e caso não seja possível o governo pagará retroativo na folha seguinte. Para o dirigente de turno o governo insiste que terá alterações, irão regulamentar o pagamento da regência proporcional aos dias em que os mesmos regerem turma e a direção da escola informará isso na frequência à SME. A aula extra permanece sem a regência. Ficou sinalizada uma audiência conjunta entre a secretaria de administração e a secretaria de educação para discutirmos juntos todas essas questões.
  • Reunião para finalização do projeto de lei de inclusão dos novos cargos ao plano de carreira: Ficou agendada com o secretário de governo João Brecha essa reunião para o dia 3 de outubro, às 13h30 na Prefeitura, com a presença do Sindicato e representação dessas funções retirada na Plenária que aconteceu na última quinta-feira, na Febef.

 

Share and Enjoy !

0Shares
0 0 0

Deixe um comentário