Todos os artigos de Filipo Tardim

O que o SEPE faz?

Os vereadores e vereadoras que votaram com o prefeito pela redução da licença, não tem a menor ideia do que representa a redução das licenças sindicais, pois desconhecem a realidade da EDUCAÇÃO NO MUNICÍPIO, e o pior foi o fato de não ter dado ao sindicato a oportunidade de esclarecer quais as ações, e a função social que o mesmo cumpre na cidade. Dois dos três vereadores que compõem a COMISSÃO DE EDUCAÇÃO DA CÂMARA VOTARAM CONTRA A EDUCAÇÃO (Deise do Marcelo do Seu Dino e Junior Uios). Esses vereadores no mínimo desconhecem a realidade da comissão que assumiram. A situação da Educação no Município está caótica e ainda assim dificultam mais ainda o trabalho daqueles que cumpre a tarefa que deveria ser da responsabilidade desses vereadores, enquanto membros da Comissão de Educação da Câmara. Recentemente foi impedida a matrícula dos alunos do 6° ano de escolaridade em 13 escolas da rede estadual, fomos até a Comissão de Educação e solicitamos uma audiência pública, no entanto foi um vereador que não faz parte dessa comissão que acolheu o pedido.
Nivan, Delza e Gilberto Silva são Professores e votaram contra a educação, esse último muito se beneficiou das conquistas, fruto da luta dessa categoria e do sindicato, no entanto votou pela redução drástica da licença sindical.

MAIS UM DIA DE ENTERRO DA DEMOCRACIA E DE RETIRADA DE DIREITOS NA CÂMARA MUNICIPAL DE DUQUE DE CAXIAS

Ontem à noite, mais uma vez seguindo ordens do prefeito, os vereadores da cidade, com exceção de 7 votos contrários, cassaram sete licenças sindicais garantidas em lei para os profissionais da educação exercerem a representação de sua categoria profissional junto à base e aos governos. Essa é mais uma retirada de direitos dos Profissionais da Educação, somada a outras medidas autoritárias e antidemocráticas do PMDB na cidade, que desde que assumiu a prefeitura no início deste ano, na figura do prefeito Washington Reis, retira direitos, atrasa e reduz salários, não investe nas escolas, persegue e tenta calar a voz dos profissionais da educação da cidade e dos dirigentes sindicais.

O apelo feito aos vereadores durante a semana foi de diálogo e democracia com os servidores. Mas igualmente como aconteceu em agosto, a Casa que deveria representar a população seguiu cegamente as ordens do prefeito sem sequer discutir a matéria previamente, corroborando com a perseguição política de um governo que não aceita ser questionado e denunciado por quem quer que seja na cidade.

Ressaltamos também que o mesmo vêm acontecendo com os Conselhos de representação da sociedade civil no município.

A cada dia a democracia e o direito à cidadania vem sendo enterrados em Duque de Caxias. Lamentamos a postura dos vereadores que se negaram a dialogar com os servidores e principalmente daqueles que deveriam ser os primeiros a fazer isso, a presidente da Comissão de Educação, vereadora Deise que não nos representanta, e o presidente da Câmara, vereador Sandro Lelis que colocou a matéria em votação sem debate. Ambos defenderam a retirada de direitos publicamente e fizeram falas que desrespeitaram os profissionais da Educação presentes ontem na Câmara onde estiveram pedindo DEMOCRACIA.

Em Caxias, regredimos para 1964. Aqui agora é ditadura.

Votaram contra a matéria os vereadores: Eduardo Moreira, Marquinho Oi, Catiti, Wendel, Marcos Tavares, Valdecir e Claudio Tomaz.

Profissionais da Educação de Duque de Caxias
SEPE CAXIAS
15/12/2017.

Informes sobre pagamento

O secretário de administração informou ao SEPE que ontem, 14/12, foi paga a faixa salarial do mês de outubro da Educação para quem ganha até R$ 5.208,75 líquidos, e R$ 6.285.90 de demais secretarias. Já o IPMDC informou que receberam os aposentados que ganham até R$ 6.300,00.

Estamos buscando informações junto ao governo se haverá novo pagamento no dia de hoje.

Até a presente data, o salário de outubro da Educação foi pago dessa forma:

  • 06/12 – até R$ 2 151,52
  • 07/12 – até R$ 2 151,52
  • 08/12 – até R$ 3 479,99
  • 12/12 – até R$ 3 986,00
  • 13/12 – até R$ 4 570,41
  • 14/12 – até R$ 5 208,75